SÃO GABRIEL CIDADE EDUCADORA: PRIMEIROS PASSOS

Eduardo Pastorio, Lia Heberlê de Almeida Pastorio, Jaqueline Moll

Resumo


Este artigo tem como objetivo apresentar o ingresso do município de São Gabriel/RS/Brasil a Associação Internacional de Cidades Educadoras (AICE), com ênfase na descrição dos requisitos exigidos, apresentação da justificativa de habilitação e as novas ações planejadas para a materialização do conceito de Cidade Educadora. A iniciativa ocorreu em agosto de 2019, através da Secretaria Municipal de Educação (SEME), que aprofundou teoricamente o conceito, contatou pesquisadores da área, cumpriu os requisitos (criação da Lei Municipal de Cidades Educadoras, preenchimento do Termo de Adesão solicitando admissão, aceite dos princípios da Carta das Cidades Educadoras e pagamento da Quota Anual 2020) e recebeu o título de Cidade Educadora, em 11 de março de 2020, tornando-se a 9° no RS, 21° no Brasil e a 505° cidade no mundo. Para a consolidação, três aspectos foram considerados: 1 – responsabilidade e investimento do governo local na educação; 2 – bases históricas e culturais, com bens materiais e imateriais; 3 – atividades e eventos executados em âmbito local, pelos diferentes atores sociais. Em continuidade ao processo inicial, o conceito está sendo adicionado ao currículo escolar e apresentado/aproximado aos diferentes atores sociais locais.


Palavras-chave


Cidade Educadora; Associação Internacional de Cidades Educadoras (AICE); São Gabriel/RS; Currículo Escolar

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2021 Revista de Ciências Humanas

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.


(c) Rev. Ciênc. Hum. Educ., Frederico Westphalen - ISSN 1981-9250.

Qualis/CAPES: B4 - Educação e B3 - Ensino

Prefixo DOI: 10.31512

E-mail: rhumanas@uri.edu.br

 

 * Contagem iniciou em 28/04/2019.

Flag Counter