O BRINCAR NAS CONCEPÇÕES E PRÁTICAS DE EDUCADORAS DE INSTITUIÇÕES DE EDUCAÇÃO INFANTIL DE SÃO LUIZ GONZAGA – RS

Madalena da Silva Porto, Liliane Madruga Prestes

Resumo


Considerando que o Curso de Pedagogia -  URI – São Luiz Gonzaga habilita profissionais para atuar na educação infantil, o foco desta investigação foi analisar qual o papel atribuído ao brincar nesta etapa da educação. Partiu-se da premissa de que o brincar constitui-se como fator indispensável para o desenvolvimento da criança e, portanto, é imprescindível aos cursos de formação a reflexão sobre quais saberes e práticas possuem os docentes no sentido de apontar elementos para discussão e reflexão. Para realização da pesquisa foram realizadas pesquisa bibliográfica e de campo, sendo esta última realizada por intermédio de entrevistas semi-estruturadas com sete educadoras que atuam em instituições de educação infantil, creches, da rede pública urbana do município de São Luiz Gonzaga, sendo realizada no período de outubro/2003 a maio/2004. A escolha das educadoras participantes da pesquisa foi realizada de forma aleatória e de acordo com a disponibilidade das mesmas. A coleta de dados foi realizada mediante conversas informais e realização de entrevistas semiestruturadas com essas
profissionais. A presente investigação buscou apontar elementos
para a reflexão da formação inicial e continuada dos profissionais
para atuar na educação infantil.


Texto completo:

PDF PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais




(c) Rev. Ciênc. Hum. Educ., Frederico Westphalen - ISSN 1981-9250.

Qualis/CAPES: B4 - Educação e B3 - Ensino

Prefixo DOI: 10.31512

E-mail: rhumanas@uri.edu.br

 

 * Contagem iniciou em 28/04/2019.

Flag Counter