LIMITES E PERSPECTIVAS DE QUEM VOLTA À ESCOLA – ANÁLISE DA SUBJETIVIDADE NAS HISTÓRIAS DE VIDA

Sirlei Rossoni

Resumo


Baseando-se em histórias de vida, provenientes de relatos individuais de alunos e ex-alunos do NEJA, está sendo produzida a pesquisa Limites e perspectivas de quem volta à escola – Análise da subjetividade em história de vida, na qual a abordagem teóricometodológica está sendo inspirada em Peter Burke e
Paulo Freire. O presente artigo concentra-se na apresentação e análise dos relatos de indivíduos que receberam ou estão recebendo a sua formação em nível de Ensino Médio na categoria
EJA, observando-se que entre esses educandos muitos já ingressaram no Ensino Superior e, entre aqueles que ainda freqüentam o Ensino Médio, registra-se um expressivo interesse
em se dirigirem para a Universidade. Assim, a presente
investigação possui como objetivo primordial analisar a história de vida das pessoas que estudaram e estudam no EJA, percebendo a importância de regressar à escola, os desafios enfrentados e os caminhos percorridos.



Texto completo:

PDF PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais




(c) Rev. Ciênc. Hum. Educ., Frederico Westphalen - ISSN 1981-9250.

Qualis/CAPES: B4 - Educação e B3 - Ensino

Prefixo DOI: 10.31512

E-mail: rhumanas@uri.edu.br

 

 * Contagem iniciou em 28/04/2019.

Flag Counter