O Campo teórico da política educacional: modelos, abordagens e objetos de estudo

César Tello

Resumo


Este trabalho, de caráter teórico, propõe-se a apresentar algumas reflexões conceituais que estão sendo desenvolvidas no contexto do que chamamos as Epistemologias da Política Educacional, que, através do Enfoque das Epistemologias da Política Educacional (EEPE) tem por finalidade propor um esquema de análise sobre o campo da investigação em política educacional como um campo teórico, a partir de componentes que contribuem para a reflexão campo meta-analítica do campo. Assim, propomos três argumentos a partir dos quais se pode definir o objeto de estudo da política educacional, assumindo que a sua definição, modelo e abordagem é múltipla e multidimensional. O primeiro argumento está relacionado com a categoria de episteme de tempo; o segundo com a posição epistemológica do pesquisador e o terceiro diz respeito ao entrelaçamento dos traços históricos e o modo de nomear do campo teórico da política educacional. Por fim, apresentamos algumas ideias que podem orientar a amplitude do campo, que tem o objetivo de definir o objeto de estudo da política educacional como o estudo da tomada de decisão na educação.

Palavras-chave: Objeto de Estudo. Políticas educacionais. Campo Teórico.


Palavras-chave


Objeto de Estudo. Políticas educacionais. Campo Teórico.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais




(c) Rev. Ciênc. Hum. Educ., Frederico Westphalen - ISSN 1981-9250.

Qualis/CAPES: B4 - Educação e B3 - Ensino

Prefixo DOI: 10.31512

E-mail: rhumanas@uri.edu.br

 

 * Contagem iniciou em 28/04/2019.

Flag Counter