GOVERNAMENTALIZAR OS CORPOS: MEDICAMENTOS SEM EFICÁCIA CIENTÍFICA E A COVID-19

RODRIGO DIAZ DE VIVAR Y SOLER, Cíntia Régia Rodrigues, Ana Claudia Lemos

Resumo


A presente pesquisa teve por finalidade analisar os usos de medicamentos sem eficácia científica comprovada no combate à pandemia da COVID-19. O método de trabalho consistiu na elaboração de um estudo exploratório sobre notícias e notas informativas em publicações online em endereços eletrônicos e portais entre março de 2020 e junho de 2021, sobre conteúdos e títulos que fizessem menção a determinados tratamentos médicos, por parte de algumas autoridades políticas. Ao todo foram selecionadas 337 reportagens, sendo 83 delas no ano de 2020 e 254 no ano de 2021, e que foram organizadas em cinco categorias de análise: a) Tratamento precoce; b) Cloroquina; c) Ivermectina; d) KIT-COVID e, e) Negacionismo. A análise dessas categorias foi realizada tendo como referência os estudos foucaultianos sobre a biopolítica e a governamentalidade (FOUCAULT 1977; 2011). Concluiu-se que a utilização política dos medicamentos para a COVID-19 configura-se como uma alegoria das formas, ou melhor, das práticas refletidas de governo sobre a vida e a verdade. Deste modo, percebe-se que, no contexto brasileiro, a emergência de uma crise sanitária como a provocada pela pandemia de COVID-19 compreendeu a formulação de uma estratégia de controle sobre a vida da população a partir dos elementos estratégicos responsáveis por indicarem, na utilização desses medicamentos, a presença de uma suposta normalidade pela qual a Economia não seria afetada.


Palavras-chave


Pandemia. Dispositivos de Segurança. Governamentalidade.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2022 Revista de Ciências Humanas

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.


(c) Rev. Ciênc. Hum. Educ., Frederico Westphalen - ISSN 1981-9250.

Qualis/CAPES: B4 - Educação e B3 - Ensino

Prefixo DOI: 10.31512

E-mail: rhumanas@uri.edu.br

 

 * Contagem iniciou em 28/04/2019.

Flag Counter