"EU SOU A SOBREVIVENTE DO QUE VOCÊ JOGA FORA"1 OU, OS PROCESSOS DE SUBJETIVAÇÃO NO TRABALHO DE CATAÇÃO / “I AM A SURVIVOR OF THAT YOU THROUGH WAY" OR, THE SUBJECTIVATION PROCESS IN SEEKING WORK

Aline Mutschal Ramos, Izaque Machado Ribeiro, Rafaela Quadros Rigoni

Resumo


Este artigo foi produzido a partir das experiências e problematizações propiciadas nos Estágios Profissionalizantes em Psicologia Social Comunitária I e II, realizado na ACE - Associação de Catadores Ecológica2, localizada em um município do interior do estado do Rio Grande do Sul. Através desta produção, procura-se refletir sobre os processos de subjetivação no trabalho de um grupo de catadores, buscando discutir e analisar o contexto local e social em que estes estão inseridos. Procura-se embasar as experiências apresentadas neste trabalho, seguindo o pensamento de autores como Bauman, Nardi, Castel, Costa, Goffman e Singer. Trata-se de não procurar respostas ou conclusões, e sim, propor uma espécie de parada para a reflexão sobre umapaisagem que nem sempre é enxergada em nosso cotidiano, mas que persiste
em seu chamado por visibilidade, através de outra forma de economia que busque amenizar a cegueira da sociedade e do Estado, no que tange as suas políticas públicas.

Palavras-chave


Subjetividade e trabalho. Catadores. Economia Solidária.

Texto completo:

PDF PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais




(c) Rev. Ciênc. Hum. Educ., Frederico Westphalen - ISSN 1981-9250.

Qualis/CAPES: B4 - Educação e B3 - Ensino

Prefixo DOI: 10.31512

E-mail: rhumanas@uri.edu.br

 

 * Contagem iniciou em 28/04/2019.

Flag Counter