LICENCIATURA INTERCULTURAL INDÍGENA DO SUL DA MATA ATLÂNTICA (UFSC) E A FORMAÇÃO DE PROFESSORES GUARANI

Jéssica Lícia da Assumpção, Elison Antonio Paim

Resumo


O presente artigo resulta da pesquisa Licenciatura Intercultural Indígena do Sul da Mata Atlântica da UFSC: contribuições na formação de professores para a educação escolar do povo Guarani da Terra Indígena M’Biguaçu. Além de dialogarmos com produções acadêmicas sobre os Guarani, pesquisamos o Plano Político Pedagógico do Curso de Licenciatura (2009; 2016) e realizamos entrevistas com uma docente da licenciatura, a Coordenadora Pedagógica e três graduandos Guarani da turma de 2016. Apresentamos o curso de Licenciatura Intercultural Indígena da Universidade Federal de Santa Catarina e trazemos apontamentos sobre a formação de professores Guarani da Terra Indígena M’Biguaçu e como a licenciatura contribui para seu trabalho na escola da terra indígena.


Palavras-chave


Licenciatura Intercultural Indígena. Universidade Federal de Santa Catarina. Formação de professores Guarani.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2019 Revista de Ciências Humanas

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.


(c) Rev. Ciênc. Hum. Educ., Frederico Westphalen - ISSN 1981-9250.

Qualis/CAPES: B4 - Educação e B3 - Ensino

Prefixo DOI: 10.31512

E-mail: rhumanas@uri.edu.br

 

 * Contagem iniciou em 28/04/2019.

Flag Counter