ADULTOCENTRISMO NA EDUCAÇÃO INFANTIL

Luciane Magalhães Corte Real, Silvia Regina Canan

Resumo


O presente texto debate sobre a influência adulta no desenvolvimento das crianças. Cada vez mais cedo, elas são expostas a um mundo de competição, especialmente através das escolhas que os pais fazem ao colocar seus filhos em escolas de educação infantil que oferecem múltiplas opções para o desenvolvimento das potencialidades dos menores, em aulas chamadas “especializadas”, como computação, língua estrangeira, educação física, judô, ballet, música, teatro, dentre outros. Enfim, desde muito cedo, os valores do mundo adulto são projetados no mundo infantil tanto nos lares, via meios de comunicação, quanto nas escolas através de suas propostas pedagógicas, cujas bases behavioristas estimulam o acúmulo de informações e a reprodução do conhecimento, desrespeitando o desenvolvimento das crianças, suas potencialidades, seus desejos e necessidades que, no período infantil, se manifestam a partir do brinquedo livre e do jogo simbólico.


Texto completo:

PDF PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais




(c) Rev. Ciênc. Hum. Educ., Frederico Westphalen - ISSN 1981-9250.

Qualis/CAPES: B4 - Educação e B3 - Ensino

Prefixo DOI: 10.31512

E-mail: rhumanas@uri.edu.br

 

 * Contagem iniciou em 28/04/2019.

Flag Counter