UM OLHAR GEOGRÁFICO SOBRE A PAISAGEM RURAL DE FREDERICO WESTPHALEN (RS)

Luci Mary Duso Pacheco, Antônio Carlos Moreira

Resumo


Nas últimas duas décadas, intensas modificações passaram a ser percebidas na paisagem rural na região sul do Brasil, principalmente nos lugares habitados por pequenos proprietários de terra, os denominados pequenos agricultores. As mudanças locais foram motivadas de acordo com os interesses do grande capital, formado basicamente por empresas transnacionais. As
relações sociais se alteraram significativamente a partir das investidas do capitalismo no campo, ou seja, com o processo
de modernização agrícola no Brasil. O modo de pensar e de agir dos agricultores também foi se alterando com a nova contextualização. Para atender os desejos do mercado os
agricultores deixaram de produzir o substancial para produzir matériaprima às agroindústrias, e produtos agrícolas para a
exportação. Além da alteração produtiva, a atividade agropecuária passou a ser realizada com a utilização de grande quantidade de aditivos químicos. Outro elemento percebido na paisagem rural de
Frederico Westphalen (RS), foi a utilização intensa do solo, provocando assim, a degradação vegetal, extinção da fauna, desgaste do solo e contaminação das águas. O planejamento agrícola precisa ser realizado de acordo com a realidade física e social. Cabe a sociedade pensar em políticas para um desenvolvimento regional sustentável.


Texto completo:

PDF PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais




(c) Rev. Ciênc. Hum. Educ., Frederico Westphalen - ISSN 1981-9250.

Qualis/CAPES: B4 - Educação e B3 - Ensino

Prefixo DOI: 10.31512

E-mail: rhumanas@uri.edu.br

 

 * Contagem iniciou em 28/04/2019.

Flag Counter